Conecte-se

Colunas

O primeiro manto sagrado

Primeiro post no ”Meu Peixão, nada mais justo que começar com o primeiro uniforme do nosso Peixe que nem sempre foi alvinegro.

Os fundadores do Santos F.C. Francisco Raimundo Marques, Mário Ferraz de Campos e Argemiro de Souza fundaram o clube na sede do clube Concórdia, na antiga Rua do Rosário,18, em 14/04/1912, junto de mais 36 pessoas, atualmente o clube considera os 39 presentes na reunião como sócios fundadores.

Mas voltando as camisas, após a decisão do nome Santos Foot-ball Club, foram decididas as cores do clube e inicialmente éramos tricolores, sim o “primeiro” uniforme do clube era listrado em azul e branco com fios dourados entre as listras.

Existe uma lenda que a escolha do dourado era para representar uma indústria que financiaria a confecção dos uniformes e que tinha sua logo dourada, outros dizem que era para homenagear o clube Concórdia, porém nada oficial, apenas lendas.

Arquivo Pessoal

Outro desencontro histórico deste uniforme dá-se pelo número de jogos que foi usado, alguns dizem que os três primeiros jogos do clube teve o uniforme tricolor, outros desconsideram estes jogos e dizem que o Santos nunca usou tal modelo.

Contradições a parte, o fato é que se entrou em campo ou não, com certeza, dificilmente teria um modelo original da época. Até no próprio memorial das conquista do clube existe apenas um modelo semelhante ao original de 1912.

Em 2007, numa bela sacada da umbro veio a primeira “homenagem” que eu, um torcedor na faixa dos 30 anos me lembro ao primeiro uniforme. A marca criou uma camisa modelo torcedor em alusão ao primeiro uniforme e que na época foi sucesso de vendas, até porque realmente trazia muito a raiz do clube no modelo, com listras azuis e brancas, fios dourados entre as listras e o detalhe ficou pela centralização do escudo atual, e inclusão do escudo original de 1912 na parte superior esquerda. Houve uma expectativa do clube usar o modelo em jogo, porém não se concretizou.

Em 2012 para comemoração de seu centenário, o Santos investiu pesado e lançou uma coleção retrô para torcedores que contava com inúmeros modelos históricos, e entre eles o primeiro uniforme do clube, que foi fielmente reproduzido em algodão e com cadarços traçados na gola, coisa comum nas décadas de 10 e 20. Além disso, o único escudo a estar bordado na camisa é o escudo “vintage” e não mais com a presença do atual junto.
Outro detalhe legal desta coleção, é que na parte interna dela, logo abaixo da gola vem um texto pequeno contando um pouco da história e curiosidades do clube para o torcedor conhecer.

Ai você leitor me pergunta, mas e os tradicionais uniformes alvinegros ? Nos sigam, que nos próximos capítulos contaremos mais sobre essa transição

Meu nome é Welton Franco, sou natural de Araraquara-SP, formado em Educação Física, trabalho como gestor e técnico de um projeto de voleibol. Santista desde os 5 anos por influência de meu primo, coleciono camisas do Santos FC desde 2013 e pretendo não apenas mostrar a coleção, como também parte da história do clube ligado a cada modelo.

2 Comentários

2 Comentários

  1. ISRAEL SALGADO

    23 de fevereiro de 2021 às 12:45

    Começou super bem. Achei legal a postagem da origem do primeiro uniforme dados esses que eu desconhecia. Parabéns.🐟🦈🐠

  2. Willian Franco dos Santos

    16 de fevereiro de 2021 às 18:58

    Top o texto! Posta mais da história do maior alvinegro do mundo Welton!! Grande abraço

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Colunas

%d blogueiros gostam disto: