Conecte-se

Colunas

A análise de desempenho dentro do futebol

Imagem: Unisport Brasil

Hoje em dia se fala muito sobre análise de desempenho no futebol, scout, estatísticas, big data e outras coisas que se relacionam dentro deste gigantesco mundo e de que forma influenciam dentro de um clube de futebol.

 

Big Data

Imagem: Stargazr

 

Será que todo esse conjunto realmente faz alguma diferença? Nesta postagem falarei de como todo esse pacote faz muita diferença dentro e fora do campo, desde o treino até o jogo.

 

Antes de mais nada, a análise de desempenho tem como dimensões os aspectos táticos, técnicos, físicos, psicológicos e também o social. Atualmente, é normal que clubes trabalhem em conjunto com o jogador, compreendam que o atleta vai além do campo de futebol, olhem como é o ambiente familiar e como ele se relaciona com os seus, se ele é um atleta jovem, se é um atleta que precisa de auxílio, podendo amparar o profissional e prestar todo o auxílio necessário.

 

Mas falando sobre o analista, que em alguns países é chamado de treinador adjunto, justamente por esse auxílio ao treinador, ele auxilia na montagem de treinos junto à comissão técnica, seja com uma câmera, seja com um drone ou outros aparatos técnicos. Ademais, ele também demonstra como são elaboradas as construções de jogadas, desde a a saída de bola do goleiro, e expõe a maneira como o treinador deseja que seja efetuada, impactando na construção da jogada. De igual maneira, este profissional coopera na correção de posicionamento nas linhas de passe e construção do jogo, aspecto que nosso atual treinador, Ariel Holan, muito gosta. O drone tem um grande diferencial nestes trabalhos, pois tem um ângulo de visão que permite ler e compreender o jogo de outra maneira.

 

Drone Avaí

Foto: AvaíTV/Divulgação

 

Além do mais, a utilização de equipamentos na análise de desempenho também se presta ao fim de estudar o posicionamento corporal com auxílio do GPS, que não é apenas um indicador de quantos quilômetros o atleta percorreu por jogo. Em matéria elaborada por Eder Traskini para o UOL, se vê que o volante Sandry tinha uma passada pequena, ou seja, um jeito de pisar diferente e que havia necessidade de treinamentos, com o propósito de melhorar seu jogo.

 

Também temos o bom e velho mapa de calor, que até mesmo softwares gratuitos fornecem, os quais demonstram as ações tomadas pelo jogador quando tem a bola em seus pés, de maneira que conseguimos ter uma noção de como os jogadores se comportam no gramado, como agem em relação aos passes certos e errados, a forma que efetuam estes passes, sua cooperação na finalização de jogadas da equipe, duelos contra adversários, dribles e muitos outros aspectos individuais.

 

 

A análise de desempenho também é valiosa para o estudo de nossos adversários, pois se pode estudar os padrões táticos, esquemas, saídas de jogo, quem são os jogadores e a maneira como são utilizados. Esta análise de desempenho voltada para as partidas do adversário, a qual particularmente faço e dei grande destaque sobre os adversários na Libertadores 2020, é o meio no qual o analista mais trabalha, buscando as variações em sua forma de jogar, as formações que mais utilizam, os melhores jogadores do adversário, estudando quem poderá causar mais problemas a sua equipe, análise das bolas paradas que podem nos oferecer risco, como são as construções de jogada, de que maneira os gols marcados por eles são construídos, além de se buscar uma tendência nos gols sofridos por este adversário.

 

O papel de analista de desempenho é essencial no futebol moderno, impactando nos resultados. (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

 

Por fim, na atualidade, a análise de desempenho auxilia na busca do melhor resultado, ajuda o atleta a obter a melhor performance, afinal o jogador é a peça fundamental dentro do campo e é com ele que contaremos no gramado para que possamos vencer e conquistar títulos. A tecnologia fora do campo deve ser utilizada para buscar corrigir o máximo de imperfeições nos treinos, buscar as falhas de nossos adversários e que possamos explorá-las.

 

>Veja as últimas matérias do Peixe clicando aqui.

Analista de Mercado e de desempenho, gosto de falar de futebol como num todo, inclusive futebol feminino. Santista de nascimento, de alma e coração.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Colunas