Conecte-se

Colunas

Holan já se foi, quem será a próxima vítima?

Fala rapaziada, peixada, e moçada, tudo bom com vocês? Acredito que não, afinal de contas, são 3 derrotas em 4 jogos, jogadores saindo, e agora o técnico também se foi.

Pois bem, no Reino do Futebol, teve manifestação de torcedor, rojão na casa do Holan e todo o repertório de um dia para esquecer.

E agora o que nos resta é recomeçar, de novo. Afinal, o projeto alardeado pela diretoria teve seu início a três meses atrás, e os frutos estão aí: uma classificação para a Libertadores, o segundo lugar na tabela do Campeonato Paulista, e um inicio nada agradável na competição mais importante da América.

Quem lê apenas esse trecho do texto, pode imaginar que os resultados nem são tão ruins assim, mas vamos dar mais números então: São 12 jogos, 5 derrotas, 3 empates e 4 vitórias um aproveitamento de 41,67% e ainda há quem diga: “Mas é começo de trabalho, Holan não teve tempo para treinar”. É verdade, não teve mesmo. E não foi só isso que ele não teve. Ele não contou com o apoio dos responsáveis pelo futebol do Santos, que em momento algum se colocaram à frente do técnico quando os resultados adversos apareceram. Ele também não teve o apoio de parte do seu grupo, e sejamos claros, é nítido que parte da liderança do elenco não abraçou o técnico.

E com todo esse cenário, o Holan se viu mais sozinho que biscate no mosteiro.

Fato também é que, mesmo com tantas análises de perfil realizadas pelo cube na busca por um treinador, esqueceram de avaliar a força mental do profissional, por que, se, diante da pressão de ontem ele espanou, o que ele faria, caso tivesse torcida em campo?

O Santos precisa de um técnico que queira e saiba utilizar a base, que entenda o momento financeiro que o clube vive, mas que tenha a capacidade mental de transpassar essas dificuldades.

Nesse momento a diretoria apostou no cara errado,  é fato!!! Mas tem a oportunidade de mudar o curso, e vamos ver o copo meio cheio? Ainda bem que foi agora, já pensou se fosse no Brasileiro, onde só pode trocar de técnico uma vez? A coisa seria ainda pior.

Portanto, diretoria, a sorte sorriu para vocês novamente, não cometam o mesmo erro. Procurem um profissional com a capacidade mental de sofrer pressão, porque aqui é o Santos, sempre haverá pressão. Deem ao próximo técnico o material humano necessário para fazer uma campanha digna, aproveitem que a torcida baixou a guarda e não está cobrando títulos, cobram apenas dignidade. Honrem os compromissos financeiros acordados, e não façam do novo técnico a próxima vitima dessa falta de traquejo com o futebol que vocês demonstraram até agora.

Rueda, o Santos não é vídeo game, nem banco imobiliário, vocês ganharam a chance de jogar os dados novamente, não despreze a sorte.

E um recado para o torcedor que ama o Santos: cobrar faz parte, torcedor é paixão. O clube passa por um processo de reformulação, não se deixe enganar pelos carniceiros que agora aparecem. Não é hora de largar o clube na mão, seja sócio sim, ajude o clube sim. É nas horas de adversidade que o clube precisa de seu torcedor.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Meu Peixão

 

Menino da Fila.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Colunas