Conecte-se

Bastidores

Santos anuncia parcelamento de R$ 10 milhões em dívidas trabalhistas

Na manhã desta quarta-feira (19), o Santos anunciou por meio de um comunicado em seu site oficial o parcelamento de cerca de R$ 10 milhões em dívidas trabalhistas.

No comunicado, o clube não especificou o número de parcelas a serem pagas no acordo feito no Regime Especial de Execução Forçada (REEF). A pedido do Tribunal, para reafirmar o comprometimento do Santos (e dos demais clubes, que também disponibilizarão garantias) em saldar a dívida, a Vila Belmiro foi colocada como garantia no caso.

Os rivais da capital, Corinthians, Palmeiras e São Paulo, também devem realizar um acordo para quitação de seus processos trabalhistas.

Confira abaixo o comunicado do clube na íntegra:

O Santos Futebol Clube comunica que, em conjunto com Juízo Auxiliar em Execução do Tribunal Regional do Trabalho da 02ª Região, firmou a reunião de processos trabalhistas, na modalidade Regime Especial de Execução Forçada (REEF), no valor aproximado de R$ 10 milhões de reais, a serem pagos de forma parcelada.

A concentração das execuções é um meio de credores trabalhistas receberem o que lhes é devido e, ao mesmo tempo, evitar constrições nas contas do Clube, comprometendo o adimplemento da folha de pagamento, de tributos e outras despesas correntes.

O Santos Futebol Clube reafirma seu compromisso de honrar suas obrigações, readquirindo credibilidade com transparência.

21 anos, estudante de Jornalismo na UNISANTA. Apaixonado pelo jornalismo, fanático por futebol.

2 Comentários

2 Comentários

  1. Valdair

    20 de maio de 2021 às 18:30

    As Ratazanas q arrebentaram com o clube estão de boa quando q eles vão pagar hein, Ratazanas Marcelo Teixeira, Modesto Roma Odilio Rodriguês, Orlando Rolo, JCP.

  2. Floreal

    19 de maio de 2021 às 17:52

    Com essa garantia dada pelo presidente, acabou o sonho do novo estádio. Se é que já não tinha se encerrado. Nenhum credor vai aceitar como garantia um imóvel demolido. Adeus estádio, o Santos caminhando a passos largos a se tornar um clube de médio a pequeno. Se essa diretoria não procurar investidores para o futebol,todo dinheiro que entrar vai pagar contas. Necessitamos de investimentos

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Bastidores

%d blogueiros gostam disto: