Conecte-se

Futebol

Após boa atuação de Camacho, Diniz comenta disputa com Alison por vaga no meio de campo

Após a vitória por 2 a 0 no clássico contra o São Paulo, neste domingo (20), na Vila Belmiro, o técnico Fernando Diniz, que reencontrou o rival do qual foi demitido no início de fevereiro, falou sobre a disputa por uma vaga no meio de campo. Com o volante e capitão Alison suspenso pelo terceiro cartão amarelo, coube a Camacho substituir o camisa 5 e o recém-chegado meia foi muito bem, dando um belo lançamento para Jean Mota servir Marinho e abrir o marcador.

“O Alison jogou muito bem na quinta, e o Camacho já havia entrado bem. O Alison tem qualidades que não estão aparentes, mas que a gente tem trabalhado e ele tem evoluído. O Camacho fez um grande jogo. O Alison vai melhorar cada vez mais e o Camacho jogou muito bem hoje também.”, exaltou.

Recém-contratado junto ao rival Corinthians, Camacho fez sua estreia pelo Santos na quinta-feira (17), na derrota para o Fluminense e entrou bem no segundo tempo. Com a suspensão de Alison, foi o escolhido de seu “padrinho” Fernando Diniz para fechar o meio de campo com Jean Mota e Gabriel Pirani.

Camacho e Fernando Diniz já trabalharam juntos no Audax de Osasco, no Guaratinguetá e no Athletico Paranaense. A vinda do meia para a Vila Belmiro foi um pedido do comandante.

O Santos volta a campo nesta quinta-feira (24), às 21h30, para enfrentar o Grêmio, em Porto Alegre, em confronto válido pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Desde que chegou, Fernando Diniz – ou o auxiliar Márcio Araújo – esteve à frente da equipe em 10 jogos, com 5 vitórias, 1 empate e 4 derrotas, com aproveitamento de 53,33%.

21 anos, estudante de Jornalismo na UNISANTA. Apaixonado pelo jornalismo, fanático por futebol.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Futebol