Conecte-se

Bastidores

“Passaram isso por debaixo do nosso nariz”, diz Conselheiro do Santos sobre arquivamentos da CIS

O Conselheiro eleito do Santos, Marcelo Silvestre, falou ao programa “Sextou”, no canal do Meu Peixão, sobre a reunião da última quinta-feira (10), do Conselho Deliberativo, onde foram feitos arquivamentos de diversos processos que estavam com a Comissão de Inquérito e Sindicância, entre eles, estão o caso da contratação de Leandro Damião, Doyen Sports e diversos outros, como o processo que envolvia o Comitê de Gestão de Odílio Rodrigues, que tinha como membro José Carlos Berenguer, que também faz parte do CG atual.

“Se fosse votação, eu teria votado contra. Sim (teria que ser votado), faço parte do grupo Juventude Santista e já discutimos entre nós sobre isso e não vamos deixar quieto”, afirmou, antes de comentar a decisão do arquivamento sem uma votação.

“Como é a primeira vez que nosso grupo faz parte do Conselho Deliberativo do Santos, então estamos, realmente, aprendendo muita coisa. Aproveitaram o momento, de um assunto que nós (como “novatos” do Conselho”) não saberíamos lidar e passaram isso por debaixo do nosso nariz”, reclamou.

Confira abaixo o vídeo completo com a fala de Marcelo Silvestre:

Outro assunto importante debatido na live do Meu Peixão, foi o “Funding” Santista, o qual os Conselheiros aprovaram na última reunião. Ligamos para cinco membros do Conselho Deliberativo e as informações pareceram um pouco desencontradas.

Perguntamos qual instituição bancária, taxa de juros, garantias e valores e não foram esclarecidas essas questões básicas. Todos deixaram claro que estavam votando a favor, apenas por confiar em Andres Rueda.

Confira abaixo um resumo da conversa com os cinco Conselheiros:

 

21 anos, estudante de Jornalismo na UNISANTA. Apaixonado pelo jornalismo, fanático por futebol.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Bastidores