Conecte-se

Bastidores

Empresário cobra o Santos na justiça por comissão na negociação de Cueva

Foto: Ivan Storti / Santos FC

Empresário cobra o Santos e o clube pode ter que desembolsar mais de 490 mil dólares para pagar essa dívida.

Christian Cueva chegou ao Santos em 2019, a pedido do técnico Jorge Sampaoli, mas a contratação do peruano não foi barata e continua trazendo prejuízos para o Alvinegro Praiano até hoje.

A negociação entre o clube Krasnodar da Rússia – onde Cueva estava antes de vir para o Brasil – e o Peixe, teve a mediação do empresário Rodrigo Ichikawa, que exigiu no contrato a comissão de 7% sobre o valor da negociação de 7 milhões de dólares.

 

Na curta passagem pelo Santos, Cueva pouco foi utilizado pelo técnico Sampaoli. (Foto: Ivan Storti / Santos FC)

Mesmo após o jogador peruano deixar o Santos e ingressar em diversos outras equipes, o clube ainda não resolveu a pendência com o empresário, que após diversas tentativas, decidiu entrar com um processo contra o time da baixada santista.

Ichikawa exige o valor que está no contrato, equivalente à 490 mil dólares, fora os reajustes. Também, exige 1% de juros a partir do momento que o Santos tomar conhecimento do processo, além de que a equipe também arque com honorários sucumbenciais.

O Santos Futebol Clube ainda não se manifestou no processo, que foi ajuizado no último dia 22.

Formada em jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Com passagem pela editoria de esportes da Record TV, mas o futebol sempre foi a maior paixão.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Bastidores