Conecte-se

Bastidores

‘Orlando Magic’: o Santos deveria ter um time de basquete?

Foto: reprodução/Orlando Rollo

Fala rapaziada, peixada e moçada, tudo bom com vocês? Particularmente estou feliz demais com essa molecada. Mas no reino do futebol, algumas coisas me intrigam… Vejam vocês:

É sabido por todos que o clube tem diversos problemas financeiros, seja por dívida ou dificuldade em gerar novas receitas, inclusive, recentemente colocamos o salários de funcionários e jogadores em dia. É uma obrigação? Sim… mas nem sempre isso ocorre em nosso reino.

Dito isso, eu pergunto, da onde a ideia do presidente (no período de transição) Orlando Rollo em formar um time de basquete? Bom… não sou jornalista, mas tenho a graça de me relacionar bem com todos no Santos e fui perguntar aos envolvidos.

Vamos explicar alguns pontos:

1° Em nosso estatuto no item OBJETO SOCIAL, fica claro que o Santos tem como finalidade a pratica de futebol profissional, não profissional e esporte olímpicos.

2° Existem benefícios fiscais, para quem mantém a prática de esportes olímpicos, como por exemplo a diminuição, ou até mesmo isenção do IPTU.

3° E esse é importante deixar a dúvida no ar. Segundo o próprio Orlando, existiam patrocinadores para bancar 70% dos custos, (Giram em torno de 1 milhão/mês) com a modalidade. E a questão é: O Rueda conhece e sabe da existência desses patrocinadores?

4° A  NBB (Novo Basquete Brasil) é a maior liga de basquete da América Latina, quanto vale a exposição da marca nessa modalidade?

Ou seja, nem tudo são mazelas e pode ser até uma oportunidade… mas pelo momento, a pergunta que fica é: Diante da crise financeira que o clube enfrenta, era o momento de implantar uma nova modalidade que aumente ainda mais nossas despesas?

A multa exposta tem gatilhos, e de acordo com o tempo do contrato, amarrou a gestão?

Por que a escolha do basquete e não outra modalidade?

Enfim… não vou emitir juízo de valor, apenas deixar que todos pensem e opinem se quiser…

Fato é que eu já estou preocupado com o futebol… agora vem o basquete me assombrar… quanta emoção no Santos né?

Menino da Fila.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Bastidores