Conecte-se

Santista na Voz

A última dança?

É nação santista… essas últimas semanas não está nada fáceis para nós. Esse domingo vai ser um dos mais importantes da nossa centenária história. Quando iríamos imaginar que o Santos estaria beirando a zona de rebaixamento do Paulistão, e a apenas um jogo de se salvar ou de uma queda inédita?

Justo nesse ano maluco, onde o futebol foi muito afetado pela pandemia do coronavírus, com tabelas de jogos um atrás do outro demandando muito do físico dos jogadores e atletas se machucando diversas vezes. Realmente não está nem um pouco fácil.

E quem poderia imaginar que três meses depois do nosso vice-campeonato da Libertadores, nós estaríamos a um jogo de mudar nossa história? Desclassificados na fase de grupos do Paulistão e lutando ponto a ponto para passar de fase na Liberta? Acho que nem o mais pessimista dos torcedores esperava um cenário tão difícil como esse.

Começamos a temporada com uma novidade, um novo técnico, que viria para um projeto há longo prazo, e que trabalharia muito bem com os nossos garotos da base. Mas, logo, toda nossa expectativa foi quebrada. Ariel Holan até que teve um bom começo de trabalho, mas logo se perdeu em campo.

Com más atuações e uma sequência de derrotas, o argentino “pediu o boné” logo após a derrota por 2 a 0 contra o Corinthians, na Vila Belmiro, em 25 de abril. Marcelo Fernandes, o “Presuntinho”, foi quem assumiu o comando, e vai ser ele o responsável por decidir nosso futuro no Campeonato Paulista.

Acho que nem uma final de Libertadores ou de Mundial teve tanta importância quanto o jogo de domingo contra o São Bento, afinal Santos e rebaixamento são palavras que não cabem na mesma frase. Pelo menos até hoje.

Não sei qual vai ser a repercussão dessa mensagem, mas gostaria de pedir para que os jogadores deem o máximo de si, que lutem por todas as bolas, ganhem todas as divididas e marquem o máximo de gols que puderem. Afinal, o jogo não vai ser nem um pouco fácil.

Nação, agora mais do que nunca é o momento de apoiar o time, os jogadores, a comissão técnica e todos que estão envolvidos no Santos Futebol Clube, a maior instituição de futebol do mundo.

Chegou a hora dos jogadores realmente mostrarem o porquê eles vestem essa camisa que “entorta varais”. Chega de corpo mole e mimimi, honrem o manto que vestem, porque mais do que nunca, a torcida está com vocês e vai apoiar até o último segundo.

Não sei o que vai acontecer domingo.

Eu espero estar bem mais aliviado quando o juiz encerrar o jogo, mas podem ter certeza de que isso é apenas uma fase ruim e a maré vai virar para a gente. Afinal, é como dizem:

“O Santos é assim. Agoniza, mas quando volta…é embaçado”.

No ritmo do Campeonato Paulista, Santos e São Bento bailam para decidir quem fará a última dança, ao menos por agora, no Campeonato Paulista Série A-1.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Meu Peixão

Estagiário no Meu Peixão e futuro Jornalista.

1 Comentário

1 Comentário

  1. Carlos Alberto Valente

    9 de maio de 2021 às 14:37

    Sempre acontece a primeira vez.. Se não for hoje, será uma dia……

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Santista na Voz

%d blogueiros gostam disto: