Conecte-se

Futebol

Apresentado, Zanocelo fala sobre características e funções que pode exercer no Santos de Diniz

Apresentando na manhã desta sexta-feira, o meio-campo Vinicius Zanocelo, recém-chegado da Ferroviária, falou sobre como pode ser utilizado pelo técnico Fernando Diniz.

“Eu fiz minha base como meia e, há três anos atrás, quando eu subi para o profissional, eu comecei a jogar de segundo volante. Sou um jogador que atua bastante no meio de campo, um bom passador e bom finalizador. Gosto de pisar bastante na área”, ressaltou.

Perguntado sobre ter atuado pelo lado direito do meio-campo na Ferroviária, Zanocelo explicou que não tem preferência por qual setor atuar.

“Não tenho preferência. Posso jogar pela direita ou pela esquerda. Na Ferroviária, acabei jogando mais pela direita, porque meu companheiro era canhoto e preferia jogar pela esquerda. Eu sou um cara que jogo no meio-campo, minha função é a camisa 8, mas posso jogar como um camisa 10 mais recuado, como fiz em alguns jogos. Isso eu deixo a critério do professor”, explicou.

Zanocelo tem 20 anos e passagens pela base do Juventus da Mooca e da Ponte Preta. Foi no time de Campinas que o meia se profissionalizou, se destacou e foi vendido ao time de Araraquara. O jovem também coleciona passagens pela Seleção Brasileira sub-20.

Vinícius Zanocelo é o quarto reforço do Santos para a temporada, em uma lista que já contava com o zagueiro Danilo Boza, o lateral-esquerdo Moraes, ambos vindos do Mirassol, e o meia-atacante Marcos Guilherme, vindo do Internacional.

21 anos, estudante de Jornalismo na UNISANTA. Apaixonado pelo jornalismo, fanático por futebol.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Futebol