Conecte-se

Colunas

Olhando para o rival: um pouco mais sobre o Boca Juniors, time rejuvenescido e que vive maratona de jogos

Após três meses da derrota para o Santos na Vila Belmiro pela semifinal da Copa Libertadores de 2020, o Boca Juniors volta a encarar o Peixe, mas desta vez pela fase de grupos da competição continental. Desde a eliminação o que mudou na equipe argentina? O portal Meu Peixão apresenta.

 

Boca Juniors: argentinos abrem Libertadores lutando contra pessimismo


O elenco Xeneize sofreu algumas alterações em comparação ao que esteve atuando em janeiro contra o alvinegro. Algumas peças importantes acabaram sendo mudadas. O goleiro Andrada, que na ocasião vivia grande momento, teve que se afastar nas últimas partidas por ter contato com uma pessoa próxima que contraiu Covid-19 e perdeu a titularidade para Agustín Rossi.

Dos jogadores que compunham o elenco do Boca há três meses quase todos eles permanecem jogando na equipe. A principal mudança que o treinador Miguel Ángel Russo fez no time foi dar uma rejuvenescida no time titular. Hoje, por exemplo, o provável Boca jogará somente com jovens no meio de campo.

O desempenho da equipe também é melhor do que há três meses. Assim como Santos, o time argentino vive uma maratona de jogos. Atual segundo colocado em seu grupo no Campeonato Argentino, o Boca anda conseguindo vitórias importantes como, por exemplo, o triunfo frente ao The Strongest por 1 a 0, em plena altitude de La Paz. Após três dias, já pelo campeonato local, venceu o Huracán por 2 a 0, fora de casa.

Palpite: Boca Juniors x Santos – Copa Libertadores da América – Prognóstico  27/4/2021


No setor ofensivo Carlito Tevez segue sendo o capitão e o ponto de experiência do time. O atacante já não atua em todas as partidas e mantém um revezamento principalmente com Obando.

A esperança de gols da equipe segue sendo Franco Soldano, atacante argentino emprestado pelo Olympiacos da Grécia. Já na parte defensiva do time haverão mudanças em ambas as laterais do time. Buffarini e Más serão os alas na noite de hoje. Já em janeiro, quem atuou nessas funções foram Jara e Fabra.

Boca Juniors anuncia contratação de Marcos Rojo, ex-United - 02/02/2021 -  UOL Esporte


Russo não poderá contar com um reforço importante. Marcos Rojo, ex-Manchester United, testou positivo para Covid-19 e ainda estará fora de combate. Aliás, o surto de Covid-19 foi grande nas últimas semanas pelos lados do Boca Juniors. Ao todo, foram nove infectados. São eles: Nicolás Capaldo, Gonzalo Maroni, Agustín Obando, Edwin Cardona, Marcos Rojo, Carlos Zambrano, Jorman Campuzano e Esteban Andrada.

Para a partida de logo mais os desfalques serão: Luiz Vázquez, Edwin Cardona, Marcos Rojo, Zambrano e Campuzado (positivo para covid-19).

A provável escalção do Boca tem: Rossi; Buffarini (Capaldo), Lisandro López, Carlos Izquierdoz e Emmanuel Mas; Cristian Medina, Alan Varela, Agustín Almendra e Sebastián Villa; Carlos Tevez e Franco Soldano.

Já sem Ariel Holan e com o interino Marcelo Fernandes, o Santos enfrenta o Boca Juniors, nesta terça-feira (27), às 21h30, na Bombonera, pela Libertadores. O Peixe está na última colocação de seu grupo após a derrota por 2 a 0 para o Barcelona de Guayaquil, do Equador, na Vila Belmiro na primeira rodada. Uma derrota na partida contra o Boca Juniors complicaria as pretensões do clube na competição continental, da qual é o atual vice-campeão.

Jornalista graduado pela Universidade FiamFaam. Santista, romântico da bola e amante do futebol varzeano. Colaborador no Cancha Santista e colecionador em transmissões na Equipe Líder, Rede Continua e Rádio Prorrogação

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Veja Também

Mais em Colunas